A cena do Breaking no Brasil | Música Impopular Brasileira #1

A cena do breaking no Brasil é o tema do primeiro episódio do podcast Música Impopular Brasileira recebendo Frank Ejara e Debb Killa

Após o ano de aniversário de meio século da cultura Hip-Hop, o Kalamidade apresenta o MIB (Música Impopular Brasileira), o podcast que trará os quatro elementos da cultura Hip-Hop em território nacional como pauta.

Nesse primeiro episódio, destacando o elemento Breaking, conversamos com duas referências da Street Dance no Brasil e no mundo vindas diretamente do interior de SP.

Frank Ejara, além de rapper, foi um dos primeiros dançarinos a colocar o nome do Brasil no mapa da dança mundial, participando de batalhas em grandes eventos e também se apresentando com sua crew em diversos lugares do planeta, como o Teatro Apollo, em NY. Vindo do interior de SP atrás do sonho de viver de música, acabou encontrando na dança esse caminho a seguir. Hoje ele é uma das grandes referências de Street Dance do Brasil!

Ela é um baita destaque da cena breaking nos últimos anos, esbanjando carisma, criatividade e estilo nos seus movimentos. Pra além das batalhas, ainda conseguiu encontrar na publicidade um caminho pra alavancar ainda mais a sua arte, inspirando muitas outras pessoas a fazerem o seu corre! Nesse episódio também tivemos o prazer de contar com a presença da braba Debb Killa!

Aqui falamos sobre referências, primeiros passos na dança, contato com a cultura Hip-Hop no geral e muito mais!

Chega mais pra conhecer um pouco sobre essas duas figuras importantes pra nossa cultura, e de quebra ouvir muitas histórias incríveis. Demorô?

Corre pra conferir o podcast no seu agregador favorito e depois volta aqui pra contar pra nós o que tu achou!

Aproveita também pra ler a nossa última matéria sobre a chegada da cultura Hip-Hop no Brasil, e fica de olho nos conteúdos DE GRAÇA que o Kalamidade traz para você sobre a cultura Hip-Hop!

Nota de alteração do nome do podcast

Como sabem, recentemente estreou a segunda temporada do nosso podcast, com o nome de MIB – Música Impopular Brasileira. Porém, após a estreia, tomamos conhecimento sobre a existência de um coletivo artístico muito incrível lá de Belo Horizonte chamado @‌musicailegalbrasileira, que apesar de ter o nome diferente do nosso podcast, carrega em suas inicias a mesma sigla (MIB).

Aqui no Kalamidade prezamos pelo corre de todos que fortalecem, principalmente no underground, a cultura Hip-Hop em todas as suas manifestações. Pensando nisso, para manter o direcionamento do nosso podcast sem desviar de qualquer forma a atenção do corre de nossos manos de Minas, optamos por mudar o nome do podcast para Música Pirateada Brasileira (MPB).

Logo menos o segundo episódio da temporada do MPB vai ao ar.

Leia Mais
Dirty South, seu legado e sua história