baile-dj-sophia

O Baile da DJ $ophia é o Hip-Hop atravessando gerações

O antigo Red Bull Station, atual Central 1926, tem sido palco de um evento importantíssimo na cidade de São Paulo: o Baile da DJ $ophia - de 21 anos - é o Hip-Hop sendo passado adiante.

Caso você esteja muito por fora de cena do Rap de SP nesses últimos anos, a gente tem fala um pouco quem é DJ $ophia: com 21 anos e DJ desde 2015, já tocou ao lado de Jazzy Jeff, no canal “Boiler Room” e tem apresentado seus sets autorais em festivais como Cena 2k19 e REP Festival. Também tem rodado pelo Brasil em turnê com Karol Conká e é DJ também de artistas como Souto MC.

A DJ, que prioriza o Hip-Hop e sua performance em detrimento do close – mas também sem deixar isso de lado – foi cria de DJs como Erick Jay e Vivan Marques. Sophia entende que tem uma missão de passar este Hip-Hop para as novas gerações e tem feito isso com sucesso!

DJ $ophia e parte do line up da segunda edição junto ao público – por: Rodilei Morais

Sobre o Baile

A segunda edição do Baile da DJ Sophia, que rolou dia 15 de abril, contou com um line up composto por DJs que trazem uma diversidade de subgêneros do Rap e Funk. Mu540, DJ Vivian Marques, Moises Pretinho, DJ Tayan e Iam Lopes – e no mic, grandes nomes femininos do Rap Nacional Bivolt, ajuliacosta e Cristal (pela primeira vez em SP).

Ainda sem possuir parceiros ou patrocinadores, essa edição chegou com força no centro de São Paulo, após a primeira ter levado mais de mil pessoas. O evento nasceu com o objetivo de promover a representatividade da cena independente da cultura Hip-Hop, e também para a juventude preta paulistana. Em relação à primeira edição, o rolê passou por melhorias e agora além de uma equipe de produção maior, também contou com um palco mais alto para as apresentações e uma área VIP.

Com a presença de artistas jovens e outros mais experientes, o Baile da DJ $ophia continua seriamente comprometido em levar para a juventude preta paulistana, artistas com os quais eles se identifiquem direta ou indiretamente, além das referências artísticas da própria $ophia. Todos os artistas escolhidos representam o que o evento se propõe a fazer, que é contemplar os diferentes estilos musicais que estão fazendo a cabeça do público do baile, dentre eles o Hip-Hop e o Trapfunk.

A pista dos DJs

A pista dos DJs foi o momento mais esperado para nós do Kalamidade, onde encontramos DJs parceiros – alguns que já passaram por aqui – e também conhecemos sets novos. Para que vocês conheçam um pouco mais sobre cada um, perguntamos aos DJs quais foram as 3 principais músicas que pocaram nas suas pistas, vem conferir as respostas!

Moisés Pretinho

@moisespretinho no Instagram – foto por @rodilei

Moises Pretinho misturou Funk, Rap/Trap, abrindo o evento daquele jeito. Já conhecíamos seu estilo musical pelas vezes que ele tocou no Bar Brooklyn – onde é DJ residente.

A galera está numa vibe aqui fora do comum. Só agradece o convite da DJ Sophia! Ela já tinha me falado sobre o evento na primeira vez, tenho acompanhado o rolê, só que nesse não deu para fazer parte, mas agora que surgiu o convite na segunda edição foi daquele jeitão!

Moisés Pretinho para o Kalamidade

Suas três músicas do set foram:

  • Racionais MCs – Da Ponte pra Cá
  • Valesca Popozuda – Agora eu To Solteira
  • Tasha e Tracie – SUV

iamlope$$

@iamlopess no Instagram – – foto por @rodilei

Foi muito daora para nós conhecer ao vivo a pista de iamlopess, DJ e beatmaker de Guaianazes – zona leste de SP. Ela contou pra gente que foi uma experiência incrível levar seu corre do underground para o Baile. O Trap definiu a identidade do seu set.

Pra ela, três músicas que vibraram a pista foram:

  • Space Cadet – Metro Boomin ft Gunna
  • Mamacita – Travis Scott ft. Rich Homie Quan, Young Thug
  • KayBlack – Jacaré que Dorme 🐊

DJ Mu540

@mu540 no Instagram – foto por @rodilei

Quem conhece a pista do DJ Mu540 já vai pro baile com a expectativa lá no alto. Trombamos o DJ e produtor que tinha acabado de tocar no rolê da Tijolo Records – também lá no Anhangabaú, do lado do Baile. Ele estava no RJ no dia anterior e voltaria pra lá no dia seguinte.

Mas cansaço não fazia parte do seu vocabulário no dia do Baile, que trocou ideia com a gente sobre o Weird Baile com integrante novo – Ramemes se juntou a banca do Mu540, Vhoor e JLZ – sobre conexões em Londres e sobre projetos futuros nas ruas.

Na correria, não conseguimos trombar Mu540 depois de sua pista, mas na ideia de antes ele fez essas três apostas pra seu set. Alguém tem dúvidas de que estouraram na pista?

  • Sinfonia do Beat Bolha junto com Barulho da Água
  • Se Ta Solteira – FBC prod. Vhoor
  • 20 Ligações – Baco Exu do Blues prod. JLZ

Só citei Weird Baile, esqueça. Estamos dominando tudo. 😎

Mu540 para o Kalamidade

Vivian Marques

@djvivianmarques no Instagram – foto por @rodilei

Vivian Marques é conhecida de outros carnavais aqui no Kalamidade – convidada de honra de um episódio do nosso podcast. Misturando Old e Neew School, Vivian foi professora de discotecagem da própria DJ $ophia, e marcou sua pista com o puro suco do Boom Bap – com Stefanie, Queen Latifah, Dr Dre.

Também trocamos ideia somente antes de sua pista, mas já estamos em contato com a DJ para ela passar 3 faixas que deram o nome no Baile.

DJ Tayan

@dj_tayan no Instagram – foto por @rodilei

DJ Tayan teve a responsa de seguir com a pista lá no alto depois do set do Mu540 no piso superior e cumpriu essa missão com muito sucesso. A vibração do público também estava surreal segundo o DJ do Rap Plus Size, que também recebeu o convite diretamente da $ophia para tocar na segunda edição do evento.

  • Vermelho – Gloria Groove
  • SUV – Tasha e Tracie
  • Revoada – as do EP novo do Rap Plus Size

Essas do Rap Plus Size eu toquei e meus amigos estavam geral vibrando na pista, foi muito foda.

DJ Tayan para o Kalamidade

DJ $ophia

@djsophia_ no Instagram – foto por @rodilei

Foi muito simbólico a $ophia ter começado seu set com Dina Di. Talvez parte de seu público não conheça Visão de Rua, e mais uma vez se vê a importância de manter viva a chama de quem veio antes! Ela também deu o nome através de hits como Pisando Fofo – Gloria Groove e Preto Zica – Racionais MCs. Mas estamos tramando uma ideia de mil grau mais completa com a $ophia em uma matéria a parte.

Fiquem ligados que ainda tem novidade por vir aqui no Kalamidade!

Texto por: DJ Yume e DJ DZ

Ficha Técnica do Baile da $ophia – 2ª edição:

Direção executiva: @djsophia_
Direção de produção: @elarachela
Direção de conteúdo: @kimberllydailher
Mestre de cerimônia: @jamalsk_mc
Assessoria de Imprensa: @griot.assessoria
Still: @vicmadeiraa | @phsalsantos | @baaa.pinheiro@baddiebap
Equipe: @central_1926

Leia Mais
House Music: opressão e resistência
%d blogueiros gostam disto: